Reposicionar uma marca é um grande desafio. O Imperatriz entrou no segmento supermercadista como um mercado de menor porte, diferente da autoridade que representa hoje. E, por este motivo, não podia oferecer produtos a preços competitivos com os supermercados de Florianópolis. Este início contribuiu para que a marca Imperatriz fosse relacionada a “preços mais altos”, um grande problema para um negócio em que centavos fazem diferença na decisão de compra do consumidor. Com o aumento em sua estrutura e no número de lojas, a BZZ focou em trabalhar a popularização da marca, apresentando ao público o conceito “Até o preço é melhor”. O resultado? Sucesso absoluto entre os consumidores, reforçado com um calendário estratégico de ações promocionais, como a Páscoa, quando o Imperatriz oferece sua Palavra de Honra, afirmando que ninguém venderá ovos de Páscoa mais barato.

Imperatriz

NÃO SE FAZ MAIS PROPAGANDA

COMO ANTIGAMENTE. AINDA BEM.